◍ marín, a serenidade em cidade.

            Este ano os meus pais decidiram que queriam passar férias num outro sítio além da casa onde vivem. Conseguiram juntar dinheiro desde o ano passado e assim foi: um destino qualquer, desde que seja fora de onde vivemos. Lembrei-me que o AIRBNB era um site e aplicação muito conhecido e com boas referências e, conhecendo os meus pais, eles iriam querer alugar uma casinha invés de um hotel. 
            O plano original era conhecer a metrópole de Lisboa mas acharam que seria muito quente. Depois falaram do Algarve e do Alentejo mas acharam muito longe. De seguida lembrei-me de Vigo por causa de uma novela que tenho acompanhado e procurei casas por essa zona.
            A 17 quilômetros de Vigo, encontrei uma casa muito linda e modesta que parecia encaixar perfeitamente naquilo que queríamos - muitos extras incluídos! Ficava em Marín, Pontevedra, Galícia. A anfitriã foi sempre muito simpática e, mesmo estando de férias, disponibilizou-nos dois contactos para ajuda. Para além disso, a casa encontrava-se bem localizada com vários cafés, restaurantes, um supermercado e o mercado da zona, a praia encontrava-se a 15 minutos a pé, várias lojas de lembranças ou de outras coisas pertíssimo.
             Não vou mentir, estava com medo que desse asneira porque era algo organizado pela internet e, apesar de o site ser de confiar, nunca se sabe que pessoas existem nele.
Contudo, foi tudo tão bem preparado e planeado que todos os dias os meus pais me relembravam de como era bom estar ali - e depois da viagem também  o fizeram. Eu não tinha ideia do que esperar porque não conhecia a zona, nem me lembrei de fazer uma pesquisa intensiva da área: apenas vi que tinha uma praia muito gira e achei bom.
           Alguns dias foram passados nas praias lindas de Marín, a água calma e azul que proporcionava um ambiente ótimo para se estar. Pode-se ver o quão branca eu estava, eu bem sei. Eu não costumo gostar muito de fazer praia porque o contraste entre o calor e o frio da água é bastante, no entanto, aqui era ótimo! Os meus pais, que raramente iam para a água, decidiram ir durante estes dias por estar tão boa. As praias que visitamos foi a Praia de Portocelo e a Praia de Os Namorados. Há uma série de 4 praias seguidinhas que basta seguir a mesma estrada - uma coisa boa que achei lá é que muitas estradas eram de sentido único (incluindo esta) o que ajudava no controlo do trânsito e da confusão.
           A noite era passada a passear por aquela zona ou a jogar às cartas. Sem sombra de dúvidas que os pequenos parques e praças que havia por lá eram perfeitas para conviver com família (e amigos). Nos dias que lá estive houve música ao vivo e uma feirinha noturna onde comprei 3 peças lindas e estilo boho, estilo que não me via a usar. Por qualquer rua que fossemos, íamos dar à casa onde estávamos.
           Num dos dias que estava um tempo um pouco esquisito, procuramos coisas para visitar: a Alameda de Pontevedra
É o parque mais antigo da cidade, possivelmente. Era enorme e cheio de edifícios importantes. Tinha estátuas por todo o lado, um lago com uma estética incrível, uma arquitetura linda. 
Numa tentativa maluca, andei de bicicleta pelo centro enquanto a minha família andou numa coisa que agora não sei o nome. 


A minha mãe adora igrejas e admirar a sua beleza, então levei-a à Basílica de Santa María a Maior.  
            Adorei o facto de que, no último dia de estadia, havia uma feira local mesmo em frente com imensas coisas e parecia que, nesse fim de semana, iria haver uma festa de piratas ou algo parecido.  
Parte aleatória do post: no mercado havia peixe vivo e deixou-me a chorar porque sou tone. Descobri um café frio que há no Froiz e É TÃO BOM! Eu nem gosto muito de café mas este era mesmo ótimo!
            O regresso a casa foi através de Viana do Castelo. Fomos de Ferry Boat de Caminha até Espanha, novamente. Foi a primeira vez que andei de algo parecido a um barco: ver a água a mexer-se e o facto de algo tão pesado e com tantas pessoas e carros lá dentro continuar a flutuar e não ir abaixo é extremamente poderoso e assustador ao mesmo tempo.

Até a próxima, Marín.

USA O MEU LINK PARA TERES 10% DE REEMBOLSO APÓS UMA RESERVA NO BOOKING E GANHA 30€ NO AIRBNB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta a tua opinião ou algo que gostarias de me dizer!

NÃO SE ESQUEÇAM DE PARTILHAR O POST COM OS VOSSOS AMIGOS/FAMILIARES E COMENTAREM SE GOSTAM E/OU COM IDEIAS PARA COISAS QUE GOSTAVAM DE VER. OBRIGADA POR LEREM!




WOOK - www.wook.pt